7 Dicas para Proteger seu Cachorro do Sol

dicas para proteger o cachorro do sol

Se você acha que só os humanos precisam se defender do sol, saiba que os raios ultravioletas também podem fazer mal ao seu cãozinho. Siga estas sete dicas para seu amigo aproveitar as brincadeiras ao ar livre sem se chamuscar.

1 – Não tose seu cachorro para o verão

Quando você raspa os pelos do seu cão, a pele fica exposta à ação do sol. Os pelos agem como uma barreira protetora contra os raios ultravioletas, e uma pele sem pelos é muito mais vulnerável a queimaduras. Ao invés da tosa, dê uma boa escovada no seu cachorro para livrá-lo do excesso de pelos e deixá-lo mais fresquinho. Para ele é como tirar o casaco e vestir uma camiseta!

2 – Cães com queda de pelos devem ter tratamento especial

Os cachorros mais propensos a queimaduras de sol incluem os que sofrem de perda de pelos devido a problemas de saúde, como alergias ou alterações hormonais. Quimioterapia também pode deixar os pelos mais ralos. Em cidades com sol mais intenso, atente para a possibilidade de seu cãozinho desenvolver melanomas (o tipo mais grave de câncer de pele). Raças de pouco pelo também devem receber proteção extra contra o sol.

3 – Cachorros que amam tomar sol

Cães que adoram tomar sol podem desenvolver tumores na parte inferior da barriga, que é sempre pelada, qualquer que seja a raça. Quando notar seu cãozinho ofegando, é hora de trazê-lo pra dentro. Tenha ainda mais cuidado se seu amigo tiver nariz rosado; assim como pessoas de pele clara, esses cães são mais sensíveis aos raios solares.

4 – Como tratar queimaduras de sol

Se seu cachorro se queimar com o sol, dê-lhe um banho relaxante com água fresca. Você pode usar xampus e óleos com “nim” (planta medicinal utilizada em veterinária), que ajuda a curar as queimaduras.

5 – Escolha o protetor solar certo

Como prevenir é melhor que remediar, é importante usar filtro solar no seu amigo para evitar queimaduras. O ideal é escolher produtos próprios para crianças, que são mais suaves.

6 – Cuidado com o óxido de zinco

Seja qual for o protetor solar escolhido, tenha certeza de que ele não contém óxido de zinco, que é tóxico para animais. Experimente o produto numa pequena área da pele do cachorro antes de espalhar. Se não houver reação adversa, aplique no focinho e em toda a área da barriga onde não houver pelos. Não é preciso passar em outros locais.

7 – Considere roupas de proteção em alguns casos

Se seu cão teve o pelo raspado para alguma cirurgia, proteja essa área do sol usando uma roupinha – você pode personalizar uma camiseta para caber nele. Se você pretende passar horas com seu cachorro ao ar livre – para caminhadas, por exemplo – experimente vesti-lo com uma roupa com proteção contra raios UV.


Texto traduzido e adaptado pela Mailin Kelbert especialmente para o Amigo Não se Compra.
Clique aqui para ver o texto original (em inglês).

 

Leave a Reply

1 Comentário

  1. Sai pela a manhã e voltei as 14:00 e quando cheguei meu cãozinho tava no sol, e no dia seguinte ele tava cheio de manchas no corpo, acho que foi queimado pelo sol! Oq devo fazer pra que ele melhore?! Pois ele é Albino e não sei oq passar nele. Me ajudem

Next ArticleComo tirar pelos de cães e gatos de roupas, estofados e tapetes