9 alimentos que você jamais deve dar ao seu cachorro

540747396_344cde9fda_o

Já falamos aqui sobre petiscos naturais que além de nutritivos são deliciosos e você pode oferecer ao seu cão sem medo. Mas em contrapartida, existem os alimentos que em hipótese alguma você pode dar ao cachorro pois fazem muito mal para eles. Vamos conhecê-los?

1- Bebida Alcoólica

apero2

Eu sei que quando a gente está muito feliz quer comemorar com todos que amamos e isso inclui nossos filhotinhos peludinhos. Mas uma coisa que nunca se deve fazer é dar bebida alcoólica para eles. Se você oferecer, por confiar muito, eles podem ingerir ou porque a bebida é doce ou gelada. Vão se sentir atraídos, mas não faça isso!

Os cães não tem estrutura para suportar o álcool no organismo, principalmente os pequeninos. Quanto menor for o cachorro, menor será a tolerância e mais riscos de saúde ele correrá. O sangue do animal absorve mais rapidamente o álcool o que gera uma uma série de problemas como gastrite, úlcera, problemas renais, neurológicos, baixa imunidade, ataques cardíacos e até morte súbita.

 2- Refrigerante

file000195287156

Se você tem o costume de sair para as caminhar com seu cachorro sabe o quanto sedento ele fica depois de umas voltinhas. Muitas vezes você também fica e aí ao invés de comprar uma deliciosa água compra um refrigerante e dá ao seu cachorro também, afinal, ele deve estar com tanta sede quanto você, correto? Tudo errado!

Pode até ser que seu cachorro goste do refrigerante por ser doce, mas as bolinhas do gás podem trazer certo incômodo ao animal pois eles possuem as papilas gustativas mais sensíveis do que nós.

O problema maior do refrigerante está na quantidade do açúcar, que além da obesidade, pode trazer problemas dentários e diabetes. Independente do sabor ou marca, em geral, possuem muito corante e substâncias que não são próprias para os cães. Opte sempre pela água! Leve sempre com você um bebedouro portátil e troque a água do seu cão diariamente. Não se esqueça de higienizar a tigela a cada troca com sabão neutro.

3- Cafeína

E quem não gosta de um cafezinho pela manhã? E é praticamente obrigatório a tarde também. Nos deixam mais animados, nos ajudam no trabalho, estudo, enfim, é o queridinho de quase todo brasileiro.

Mas não pense que os mesmos benefícios que o café nos trazem, os cachorros sentem também. Na verdade é o contrário, ao ingerir a cafeína o organismo do cachorro tem uma reação muito similar ao envenenamento. Os sintomas variam de acordo com a quantidade ingerida, mas no geral são: agitação, respiração acelerada, palpitações cardíacas, tremores musculares, convulsões, sangramentos, e em alguns casos pode levar a morte. E não há antídoto, por isso muita atenção, além do café outros alimentos podem possuir cafeína como alguns refrigerantes, energéticos e medicamentos de uso humano. Sempre guarde todos esses alimentos e bebidas em local seguro, longe do alcance dos peludinhos.

4- Abacate

avocado-356122_1280

Humm… Que gostoso um creminho de abacate bem madurinho hein! Vitamina de abacate, guacamole, amassadinho com açúcar ou mel.

Mas não se engane com o “inofensivo” abacate. O que para nós não tem nenhum problema, para os cachorros é fatal!

O abacate tem uma substância tóxica chamada Persin e só um pouquinho já pode causar vômitos e diarréia. O Persin não está presente somente no fruto, então fique atento se seu cão está próximo as folhas, sementes ou cascas do abacate.

5-Laranja

Ambersweet_oranges

Essa fruta tão deliciosa encontrada em todo o Brasil é riquíssima em Vitamina C. Quase todo mundo ama um suquinho fresco no café da manhã, talvez por isso algumas pessoas pensem que faz bem ao cachorro também. Fazer mal de trazer riscos a saúde por si só, ela não faz, desde que o dono tenha certeza que o cachorro não sofre de gastrite. Como o estômago do cão é muito sensível, a maioria sofre com a acidez da fruta e passa muito mal. E jamais deve se dar a casca da laranja, pois ela pode queimar a boca do seu cãozinho.

6- Alho e cebola

onion-627138_1280

Uma comidinha bem preparada é tudo de bom! E isso certamente vai incluir a cebola e alho. Muitas pessoas optam por petiscos naturais e acabam fazendo o alimento do cachorro com todos os temperos que tem direito. Mas isso faz muito mal a eles.

A cebola e o alho possuem uma substância chamada Dissulfeto de N-Propil que altera até a hemoglobina do animal, e provoca a destruição de glóbulos vermelhos e causa fraqueza, vômitos, apatia, falta de apetite, falta de ar e em casos mais graves pode levar a anemia, icterícia e sangue na urina. Isso é muito grave e se não for detectado a tempo pode ser fatal.

7- Sal

salt-91539_1280

O sal é um dos grandes vilões da nossa geração. Cada dia que passa consumimos mais sal e ultrapassamos muito o que é recomendado que é de 5g ao dia.

Se para nós o sal não é bom, imagina para os cães? Não dê alimentos salgados, batatas fritas ou outros industrializados. Ingerir muito sal também pode provocar sede excessiva, urinar excessivamente e levar a intoxicação por íons de sódio.Os sintomas de muito sal também incluem vômitos, diarréia, depressão, tremores, temperatura corporal elevada e convulsões.E pode até mesmo causar a morte.

8-Sorvete

file9441298829698

Coisa boa mesmo no dias quentes é tomar um sovertinho para refrescar. Mas não se engane, o sorvete inocente esconde um mal muito grande para os cães. A grande maioria dos cães é intolerante à lactose. Se tomarem leite, desenvolverão diarreia. Como não têm enzimas necessárias para dissolver o açúcar no leite, acabam sofrendo de vómitos, diarréias, cáries e outras moléstias gastrointestinais.

E não se engane com os produtos diet, alguns alimentos são adoçados com xylitol.O Xylitol pode causar um aumento na insulina que circula através do corpo do seu cão.Isso pode diminuir o açúcar do sangue e levar à insuficiência hepática.Os sintomas iniciais são vômitos, letargia e perda de coordenação. Eventualmente, o cão pode ter convulsões e insuficiência hepática pode ocorrer dentro de poucos dias.

9- Ossos

file000533472350

Quase todo mundo já deu um ossinho de galinha para um cachorro. Nos desenhos animados estão sempre atrás de um osso e de tanto ver cachorro com osso criou-se um costume popular de separar os ossos para os cães. E isso não é nada saudável e pode causar estragos no sistema digestivo do animal, rompimento dos dentes, lesões na boca, ossos colados no estômago, hemorragias graves no estômago e reto. Se você tem esse hábito, por favor, pare. Mas se seu cão gosta muito a melhor opção são as versões industrializadas que não apresentam esse tipo de risco.

Gostou do nosso post? Deixe um comentário pra gente!

Semana que vem a gente volta com mais dicas e cuidados para vocês, até lá!

 

Fontes:

  • http://papadebicho.blogspot.com.br/2013/02/bebida-alcoolica-para-animais-nao-faca.html
  • http://fofuxo.com.br/saude/problemas-ao-dar-bebida-alcoolica-para-os-cachorros.html
  • http://peloproximo.blogspot.com.br/2011/04/25-alimentos-humanos-toxicos-aos-caes.html
  • http://tudosobrecachorros.com.br/2012/02/alimentos-toxicos-para-caes.html
  • http://www.macacovelho.com.br/10-alimentos-que-podem-matar-seu-cachorro/
  • http://www.mdig.com.br/?itemid=21471

Leave a Reply

14 Comentários

  1. Pingback: 6 formas de fazer uma renda extra com os pets

  2. Pingback: Festas de fim de ano X Animal: Veja como anfitriões e visitas devem se portar

  3. Pingback: Saiba tudo sobre intoxicação alimentar nos animais

  4. Pingback: Aprenda como agir nos casos de envenenamento animal

  5. Nossa, eu nao sabia dessa do osso.
    Sobre o osso de galinha eu não dava pq ele é muito fácil de quebrar e forma pontas horriveis, mas ossos como os de costelas de bovinos eu dava, não imaginava que era tão ruim assim.
    Obrigado pela informação e vou parar agora mesmo.

    • Fabiana Xavier

      Olá, Carlos!

      Parace muito inifensivo né? Mas precisamos ficar muito atentos aos alimentos que oferecemos aos nossos pequenos.
      Conheça nosso grupo secreto do Facebook e fique por dentro das nossas dicas e cuidados com os animais: https://www.facebook.com/groups/amigonaosecompra/

      Um abraço!

    • Fabiana Xavier

      Olá!

      Ficamos muito felizes em saber que gosta dos nossos posts!
      Agradecemos os elogios!

      UIm abraço!

  6. Larissa Castro

    A do osso nas palestras que fui falaram que o industrializado não era bom, mas estaria liberado ossos maiores crús,pois os cozidos deixam de ser cálcio e faz mal.

    • Fabiana Xavier

      Olá, Larissa!

      Mesmo os ossos maiores cruz, soltam lascas e é essa a preocupação. Essas lascas podem fazer com que engasguem ou mesmo podem machucar garganta, esôfago, entre outros órgãos.
      Há alternativas para eles desgastarem os dentes como brinquedos rígidos. E há alimentos ricos em cálcio que dispensam a ingestão de ossos. Opte por uma ração de qualidade que terá todos os nutrientes necessários para uma alimentação saudável. :)

      Um abraço!

    • Fabiana Xavier

      Olá, Sonia!

      Ficamos felizes em saber que estamos te ajudando!

      Um abraço!

  7. Jurandir

    Produtos industrializados eu concordo…
    Mas, não estou convencido do osso, parece instinto dos cães comerem osso, não precisamos ensina-los a gostar de osso pra roer, eu não me sinto convencido
    Imagina os cães de rua não sobreviveria com tantas porcarias que tem nas ruas das cidades e com certeza comem muito osso…
    Ainda digo mais, adoecem bem menos
    Do osso eu não me convenci

  8. Pingback: Confira 5 dicas de primeiros socorros para o seu pet

Next ArticleAprenda a cuidar da saúde oral do seu cão