Como lidar com parasitas?

Quem tem um animalzinho de estimação está sujeito a enfrentar uma infestação de pulgas e/ou carrapatos, já que cães e gatos são excelentes hospedeiros. Mas existem muitos meios de evitar uma infestação. Vamos ver quais são?

O primeiro passo, e o mais importante, é a higiene. Seu cãozinho deve tomar banho toda semana ou, pelo menos, de quinze em quinze dias. Manter a casa sempre limpa e arejada é fundamental. Lave a caminha do seu filhote uma vez por mês, pelo menos. Se ele tiver cobertores ou paninhos, lave-os com frequência também.

Aproveite todos os dias ensolarados para colocar a caminha, os paninhos e brinquedos de pelúcia no sol. Parasitas adoram lugares escuros e úmidos. A luz e o calor do sol espantam esses inimigos.

Existe uma variedade enorme de remédios preventivos no mercado. A forma mais eficaz é a ampola, que deve ser colocada uma vez por mês no pescoço do animal. A marca mais famosa e reconhecida é o Frontline, mas o Fiprolex tem a mesma composição e é mais barato. Existem outras marcas e você pode consultar seu veterinário sobre a eficácia delas. Aqui, o mais importante é verificar o peso do animal, pois uma super dosagem pode causar intoxicação.

Lembre-se de examinar o animal sempre, principalmente nas orelhas, rabo e patinhas, especialmente entre os dedinhos, que são os lugares prediletos dos nossos inimigos.

 

E se o meu animal já tiver pulgas ou carrapatos?

Aí, a guerra é séria… Vamos às armas?

Existe um spray muito bom, da marca Frontline, que pode ser aplicado tanto no corpo do animal quanto nos lugares onde ele costuma ficar. Ressalto que existem outras marcas, mas esta costuma ser a mais recomendada.

No caso de infestação, também é interessante usar coleiras anti pulgas e carrapatos. A região do pescoço é primordial para o combate, pois os parasitas costumam se dirigir para a cabeça do animal e, assim, terão seu caminho interrompido.

E os sabonetes e shampoos anti pulgas e carrapatos? Eles podem ser usados, claro. Mas fique atento, porque filhotes são muito sensíveis e existem produtos específicos eles. Usar um shampoo de adulto num bebê pode causar intoxicação, especialmente neste caso.

Bom, o mais importante é manter os parasitas longe do animal, mas não podemos nos esquecer da casa nem dos humanos. Existe um produto desinfetante chamado Lysoform que é muito bom para acabar com os inquilinos indesejados. Você pode acrescentar uma dose na máquina de lavar roupas, junto com o sabão, para garantir que nenhuma pulga ou carrapato sobreviverá à lavagem. E ele também pode ser usado para limpar o chão, com um pano úmido, garantindo a limpeza de frestas e vãos. Existem outros produtos desinfetantes que podem ser usados. O importante é manter tudo extremamente limpo.

Procure por parasitas em você também. Lave bem o cabelo, pois é um excelente esconderijo para esses animais.

Se os animais dormirem no seu quarto, procure trocar a roupa de cama com frequência e evite deixar roupas expostas, emboladas, em camas e sofás. Troque também as toalhas do banheiro e evite deixá-las úmidas e dobradas.

Resumindo, o principal fator de combate aos parasitas vai ser sempre a higiene. E a atenção, claro. Ao menor sinal de infestação, você deve começar o combate.

Citei marcas e produtos neste post que conheço, já utilizei e aprovei. Mas, como disse acima, existe uma infinidade de opções. Converse com seu veterinário para descobrir o melhor produto e o mais acessível também.

Se você tiver alguma dica, se já tiver travado uma batalha com esses pequenos e indesejáveis inimigos, conte pra gente. Compartilhe suas experiências.

Veja aqui mais dicas de cuidados com seu amigão.

 

Leave a Reply

5 Comentários

  1. Pingback: 10 passos para deixar seu cachorro mais feliz

  2. Roberta DMG

    Obrigada pelas dicas!! Adorei a do Lysoform, não precisarei adquirir outros produtos que ja estavam na lista de compras! Vou utilizá-lo já!

    • Paulo

      Comigo, para o ambiente, só funcionou o K-Othrine diluído. É muito forte, mas foi a única solução para a infestação no ambiente. : (

  3. Paulo

    Tive um sério problema com infestação de pulgas.
    Estou terminando a batalha, vitorioso!
    Deixava meu cachorro dar umas voltas, sozinho, na rua. Ele fez amizades com cães de rua pulguentos. Não percebi e continuei deixando meu amigo dormir no sofá e ao lado da cama… pronto… infestação de pulgas e alguns carrapatos encontrados pela casa.
    Consulte seu veterinário para seu caso específico, mas eu, orientado por minha amiga veterinária usei um produto spray para o cão, mais xampu antipulga semanal, mais inseticida diluído para o ambiente, aplicado com pulverizador. E muita… muita higiene… aspirador duas ou três vezes por semana na casa toda.
    Após quase quatro semanas estou vencendo as pulgas. O tratamento continua. Não as vejo mais, mas restaram marcas das picadas delas em todos os membros da família.
    Um abraço e boa sorte!

  4. Olá,

    Posso usar o Lysoform diluido (conforme recomendação do fabricante) no chão onde os pets vivem? será que dá alergia?

Next ArticleMaisha: uma surpresa no ano-novo